terça-feira, 15 de abril de 2008

Mereciam Mais!!(Molelos 3 - 3 A.D.R. Tarouquense)

A Associação Desportiva e Recreativa Tarouquense, Campeão Distrital Zona Norte da Associação de Futebol de Viseu, deslocou-se no dia 13 de Abril de 2008 a bonita localidade de Molelos a fim de defrontar a equipa da terra o “ Molelos “ também Campeão Distrital Zona Sul da Associação de Futebol de Viseu no primeiro encontro para apuramento do Campeão Distrital da A. F. Viseu, num recinto um pouco pesado derivado á chuva que tem caído durante estes últimos dias, mas com boas condições para a prática de futebol. Ambas as equipas entraram de forma a contribuir o publico presente no estádio, com um excelente espectáculo de futebol para entusiasmar quer o público da casa, bem como os muitos sócios e simpatizantes do Tarouca que se deslocaram até Molelos para com entusiasmo apoiarem o sua equipa, embora por breves momentos a chuva mostrava quer estragar a exibição dos dois conjuntos, que neste encontro tiravam as duvidas aos presentes no recinto desportivo, mostrando ambos que ali se defrontavam as duas melhores equipas do Campeonato da 1ª Divisão Distrital da Associação de Futebol de Viseu, dirigidas por uma terceira equipa, a pior do campeonato. Quer o Molelos quer o Tarouca não querem deixar fugir a oportunidade de se sagrar Campeão Distrital, dai a alternância no marcador durante todo o encontro, com o culminar do resultado final ser uma igualdade a três bolas. O Tarouquense lutou sempre até ao final, com Filipe Oliveira a destacar-se com dois golos de belo efeito e já com menos um jogador a equipa visitante conseguiu chegar ao 3-3 final. O Molelos pouco perigo criou durante todo o encontro mas foi feliz sempre que conseguia criar algum perigo, pois o seu primeiro golo nasce de uma má saída do guarda-redes Bruno e o seu segundo golo resulta de um ressalto num defesa do Tarouquense onde o guarda-redes não fica bem na fotografia. O empate do Tarouca a três bolas, nada tem de lógica, é um resultado injusto para as cores do ADRT, sem esquecer o lado imprevisível do futebol tão fértil em contrariar a lógica, pois quem assistiu a esta partida de certo no final da mesma saiu do recinto desportivo com aquela expressão: “Como é possível”. O Tarouquense comandar o encontro de principio a fim da 1ª parte, o que podia dar em goleada, com o ADRT sempre a pressionar mais no último reduto do Molelos e a criar situações de golo não as conseguindo concretizar porque os seus avançados eram muito perdulários na hora de finalizar, talvez por ser dia 13 e para muitos dia de superstição e que de certa forma até foi para o juiz da partida. Um triunfo no final dos dois encontros seria um feito histórico para a ADR Tarouquense e para os jogadores e equipa técnica que compõem este plantel também seria um consumar de mais um objectivo de triunfo nos seus currículos e que escreviam mais uma bonita página na história do Tarouca. Da arbitragem: Não se entende como a Associação de Futebol de Viseu nomeia para este encontro o senhor António Augusto Cardoso, senhor este que está envolvido na maior derrota do Tarouca esta época, este juiz não tem estofo para dirigir uma partida desta importância, é de realçar a atitude dos jogadores do Tarouquense que nunca deitaram a toalha ao chão e lutaram até ao final do encontro, com garra, bravura e determinação contra as atitudes deste senhor que desde o inicio da partida andou a provocar os jogadores do Tarouca com nomes bastantes obscenos ao ponto de ter acontecido uma cena que é de lamentar, num lance de uma falta normal no futebol, o juiz da partida mostrar no mesmo lance dois amarelos e a respectiva expulsão com a mostragem do vermelho apenas por o jogador dizer na amostra do primeiro amarelo “ Muito obrigado “ e de seguida desata a fugir, como que o jogador o fosse agredir sem que o jogador tenha feito nada para tal cenário. Aos sócios e simpatizantes do Tarouca faço um apelo no dia 27 de Abril de 2008, todos ao complexo desportivo de Tarouca para apoiar o ADRT para que consiga um bom resultado e poder ser Campeão Distrital.

Ficha de Jogo:

A.D.R. Tarouquense

Bruno, Patrício, Eduardo, Abílio, João Pedro, Valério, Pedro, Zezito, Ruben, Ferrador e Filipe.
Substituições: Ruben por Jorge, Zezito por Ceia e João Pedro por Augusto.
Suplentes não utilizados: Marco, Rafael, Xano e Simão.
Marcadores: Filipe (2) e Patrício (1).
Treinador: Filipe Governo.

3 comentários:

Anónimo disse...

domingo lá estaremos , mais uma festa , tarouca ,tarouca

Anónimo disse...

domingo lá estaremos , mais uma festa , tarouca ,tarouca

Sérgio Matos Dias disse...

Caros amigos de Tarouca,

Foi criada uma petição on-line "pela concretização do IC26". É um acto meramente simbólica, mas que, ainda assim, pode ser um importante "pressing" sobre as entidades responsáveis. Acho um acto cívico nobre, como tal, sendo a população de Tarouca uma das partes interessadas, faço o apelo à participação de todos. Por uma causa comum.

O endereço é: http://www.ipetitions.com/petition/ic26moimentananet/

Cumprimentos,

Sérgio Matos Dias